Vendas de vinhos com rolha de cortiça nos EUA crescem 97% em 10 anos – estudo

por LMn

Os vinhos vedados com rolha de cortiça lideram o mercado de vinho ‘premium’ nos EUA entre 2010 e 2020, com as vendas a aumentarem 97%, contra 6% nos vinhos com vedantes artificiais, segundo um estudo da consultora Nielsen.

O trabalho, que analisa a evolução das vendas das 100 principais marcas ‘premium’, conclui que, nos últimos 10 anos, a quota de mercado dos vinhos engarrafados com rolha de cortiça aumentou de 47% para 67,6%, sendo que, no final de 2020, cerca de 72% das 100 marcas ‘premium’ americanas utilizavam rolha de cortiça.

“Os vinhos que optam pela cortiça lideram em todas as categorias de preços, particularmente em vinhos com preços acima de 10 dólares (cerca de 8,4 euros) por garrafa, com a cortiça a ser usada por 90% dos vinhos acima de 20 dólares (cerca de 16,7 euros)”, refere.

Citado num comunicado, o presidente da Associação Portuguesa da Cortiça (Apcor) salienta que “os EUA são o maior consumidor de vinho do mundo e o principal mercado de exportação da cortiça, com um valor de 196 milhões de euros”: “As rolhas de cortiça ocupam um lugar de destaque nas exportações, representando mais de 80%, o que significa 162 milhões de euros. A cortiça é o segundo maior exportador português para o mercado americano e, provavelmente o de maior valor acrescentado a nível mundial”, afirma João Rui Ferreira.

 

APCOR/AGROPORTAL.PT

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade