Uma pitada de português – para aprendentes da língua (Egy csipetnyi portugál – nyelvtanulóknak) – 7

por Eszter Gelencsér

Um artigo com linguagem adaptada ao nível A2-B1, vocabulário e uma pitada de gramática –Pretérito Perfeito Simples
Újságcikk könnyített olvasmányként (A2-B1), szószedet és egy csipet nyelvtan – elbeszélő múlt

Gostou do artigo sobre Ágnes Keleti que fez ontem cem anos? Aqui tem a versão adaptada ao nível A2-B1.

Tetszett a cikk Keleti Ágnesről, aki tegnap lett százéves? Olvassa el könnyített olvasmányként A2-B1-es szinten.

Sobreviveu ao Holocausto e ganhou 10 medalhas olímpicas. A húngara Ágnes Keleti, a mais velha campeã olímpica, comemora 100 anos de vida

Túlélte a holokausztot és 10 olimpiai érmet nyert. Keleti Ágnes, a legidősebb olimpiai bajnok századik születésnapját ünnepli

Ágnes Keleti sobreviveu, passando-se por uma jovem empregada de limpeza cristã.

A mais velha campeã olímpica sobrevivente, a ginasta húngara Ágnes Keleti, celebrará o seu 100 º aniversário na Hungria este sábado com uma surpreendente vitalidade.

“Sinto-me bem: o truque é não precisar de se olhar no espelho. Foi assim que me mantive sempre jovem”, ironizou a prestigada Ágnes, quando recebeu a AFP no seu apartamento em Budapeste em novembro passado. Ágnes Keleti nasceu a 9 de janeiro de 1921.

Ágnes Keleti permanece lúcida e move-se com passos confiantes, desenhando uma coreografia enquanto percorre as fotos e memórias das suas muitas viagens.

“Não me deixam fazer o exercício de abrir as pernas. O meu enfermeiro acha que é pedir muito na minha idade”, disse a ex-medalhista de ouro a brincar, enquanto mostra com orgulho um novo livro, publicado por ocasião dos seus 100 anos, uma vida que poderia facilmente ser adaptada ao cinema.

– Escapou aos nazis com documentação falsa –

Ágnes Keleti conquistou dez medalhas olímpicas na ginástica, a maioria após completar 30 anos de idade e contra adversárias adolescentes. Cinco delas foram medalhas de ouro em Helsinquia (1952) e em Melbourne (1956).

“Eu praticava desporto não porque isso me fazia bem, mas para ver o mundo”, explicou ela em 2016 à AFP.

Convocada pela equipa nacional em 1939, a rainha da ginástica conquistou o seu primeiro título na Hungria um ano mais tarde. Mas pouco tempo depois foi proibida de toda a atividade desportiva devido às suas origens judaicas.

Após a ocupação da Hungria pela Alemanha nazi em março de 1944, Ágnes Keleti escapou da deportação para um campo de concentração porque comprou uma documentação falsa e passou-se por uma jovem empregada de limpeza cristã, Piroska Juhász.

Sobrevivi graças a Piroska, com quem troquei roupa e papéis, e imitei a sua forma de falar”, explica Keleti, que muitas vezes corria para se manter em forma no local onde se escondia.

– Uma vida entre Austrália e Israel –

O seu pai e outros membros da sua família foram assassinados em Auschwitz, enquanto a sua mãe e o seu irmão foram salvos graças ao diplomata sueco Raoul Wallenberg.

Ágnes Keleti emigrou para a Austrália em 1957, um ano após a revolução anti-soviética de 1956 na Hungria. Mais tarde mudou-se para Israel, onde se casou com um professor de educação física húngaro, Róbert Bíró, com quem teve dois filhos.

Depois de deixar de competir trabalhou como professora de educação física e treinou a seleção nacional de ginástica de Israel.

Regressou à Hungria apenas em 1983, quando foi realizado um Mundial de ginástica no país. Mas só se estabeleceu definitivamente no seu país natal em 2015.

Valeu a pena fazer algo importante na vida. Fico arrepiada quando vejo todos os artigos escritos sobre mim”, reconheceu Ágnes.

Fonte: Sportinforma / AFP – Desporto.sapo.pt

 

Vocabulário palavras e expressões szószedet

 

passar-se por vminek kiadja magát escapar-se megmenekül
sobrevivente túlélő sobreviver túlél
lúcido tiszta, v. éles elméjű manter-se em forma formában tartja magát
confiante magabiztos esconder-se bujkál, elbújik
por ocasião de vmi alkalmából assassinar meggyilkol
conquistar megnyer, meghódít revolução forradalom
adversário ellenfél estabelecer-se letelepedik
praticar desporto sportot űz vale a pena érdemes, megéri
convocar meghív v. felkér arrepiado libabőrös

 

Uma pitada de gramática (A1) – Pretérito Perfeito Simples

Egy csipet nyelvtan kezdőknek (A1) – Elbeszélő múlt

 

Verbos regulares

Szabályos igék

 

  Comprar Viver Competir
eu comprei vivi competi
tu compraste viveste competiste
você /ele /ela comprou viveu competiu
nós comprámos vivemos competimos
vocês /eles /elas compraram viveram competiram

 

Exemplos

Példák

  • Em 1944, Ágnes comprou uma documentação falsa e assim escapou-se da deportação. 1944-ben Ágnes hamis dokumentumokat vásárolt és így megmenekült a deportálástól.
  • Ágnes Keleti nasceu a 9 de janeiro de 1921. január 9-én született.
  • Em 1956, ela competiu nos Jogos Olímpicos em Melbourne e ganhou quatro medalhas de ouro. 1956-ban Melbourne-ben versenyzett és négy aranyérmet nyert az Olimpián.

Verbos irregulares

Rendhagyó igék

  Ir Ser Estar Ter
eu

fui

estive tive
tu

foste

estiveste tiveste
você /ele /ela

foi

esteve teve
nós

fomos

estivemos tivemos
vocês /eles /elas

foram

estiveram tiveram

Exemplos

Példák

  • Casou-se com um professor de educação física húngaro, Róbert Bíró, com quem teve dois filhos. Bíró Róbert, magyar testnevelő tanárral megházasodott és két gyermekük született.
  • Em 1983, foi realizado um Mundial de ginástica na Hungria. 1983-ban tornász-világbajnokságot rendeztek Magyarországon.
Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade