Ucrânia: a Hungria é o nosso inimigo nº 2

por LMn

Mais de uma centena de cientistas e analistas políticos ucranianos trabalharam para criar uma lista dos países que no ano passado caíram no ranking dos mais amigáveis ou que foram mais hostis à Ucrânia. Mais de metade dos peritos afirmaram que a Hungria era o segundo país mais hostil. Hvylya.net relatou os resultados da lista, e as notícias depressa se espalharam também pelos sítios dos meios de comunicação húngaros. A lista do Conselho de Política Externa chama-se “Prisma Ucraniano” e os analistas tomaram uma decisão quase uniforme sobre o inimigo nº 1 dos países. Houve menos consenso em relação a quem são os melhores amigos do país.

A maioria dos peritos (92%) nomeou a Rússia como o inimigo nº1 da Ucrânia; a Hungria ficou em segundo lugar (54%).

A percepção dos ucranianos sobre a Rússia mostra algumas melhorias. Em 2019, 99% dos autores da lista nomearam a Rússia como o inimigo nº1 da Ucrânia.

De acordo com a lista, os países mais hostis foram:

  • Rússia (92%),
  • Hungria (54%),
  • Bielorrússia (45%),
  • Arménia (6%),
  • Sérvia (5%).

E os estados mais amigos foram a

  • Lituânia (66%),
  • Canadá (43%), EUA (41%),
  • Grã-Bretanha (32%) e
  • Polónia (30%).

No início deste ano, Ihor Zhovkva, Chefe Adjunto do Gabinete do Presidente, disse a um semanário político que Kiev estava a procurar construir confiança e apoio mútuos com a Hungria este ano. Numa próxima reunião com o Primeiro-Ministro húngaro Viktor Orbán, o Presidente ucraniano Volodymyr Zelensky tenciona prosseguir a possibilidade de um “diálogo construtivo” sobre questões sensíveis, relata o 24.hu.

Fonte: 24.hu

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade