RTP assinala o 25 de Abril com programação especial

por LMn

A RTP assinala a Revolução de Abril de 1974 com uma programação dedicada, exibindo programas que nos irão permitir recordar os principais momentos que marcaram esse dia, o espírito de liberdade que invadiu o nosso País e as várias figuras marcantes da Revolução.

 

SALGUEIRO MAIA – RUMO À ETERNIDADE

Sábado, às 14h30, na RTP1

A história de Salgueiro Maia, eterno símbolo da Revolução dos Cravos. Acompanhamos alguns dos momentos mais relevantes da vida de um homem corajoso e tolerante, que contribuiu para o fim de uma ditadura de 41 anos e para a instauração de um regime democrático em Portugal. O homem, que todos conhecem como o Capitão “sem medo”, nasceu em Castelo de Vide a 1 de julho de 1944 e foi um dos elementos mais ativos do Movimento das Forças Armadas. Muitos daqueles que acompanharam de perto a sua vida como Carlos Beato, Alfredo Cunha, Adelino Gomes, Coronel Carlos Matos Gomes, Maria Natércia Maia, José Alves da Costa, Hermínio Martinho, Ana Paula Amendoeira e Fernando António Pereira recordam um herói que fez História no nosso país. E que, após a Revolução, se manteve como membro do Movimento das Forças Armadas, sem aceitar qualquer cargo político.

SESSÃO SOLENE

COMEMORATIVA DO 46.º ANIVERSÁRIO DO 25 DE ABRIL

Sábado, às 9h45, na RTP1

Transmissão, em direto, da Sessão Solene Comemorativa do 46º aniversário do 25 de Abril, na Assembleia da República.

VEJAM BEM COM PAULO DE CARVALHO

Sábado, às 12h00, na RTP1

A história de Paulo de Carvalho contada na primeira pessoa num documentário com realização de Nuno Galopim e Francesco Cerruti. Há 45 anos uma canção na voz de Paulo de Carvalho entrava na história ao ser escolhida como primeira senha do 25 de Abril. Regressámos ao Teatro Maria Matos, onde “E Depois do Adeus” venceu o Festival da Canção de 1974, para ali, com o músico, fazer um percurso que recua às bandas em que tocou nos anos 60 e avança depois até ao presente, traçando um caminho sempre feito de surpresas e novos desafios.

AS ONDAS DE ABRIL

Sábado, às 15h, na RTP1

Filme que nos mostra como uma equipa de jornalistas estrangeiros encontrou Portugal nos dias que antecederam a Revolução e o seu espírito de liberdade. Em Abril de 1974, dois jornalistas da rádio suíça são enviados a Portugal para fazer uma reportagem sobre a ajuda a um país “subdesenvolvido, mas simpático”. Vagueiam pela província portuguesa quando, subitamente, irrompe a Revolução dos Cravos. Decididos a acompanhar os eventos em primeira mão, rumam a Lisboa na sua carrinha Volkswagen. Deste modo, aproveitando o facto de estarem no momento certo e no lugar certo, fazem a reportagem das suas vidas sobre o espírito de liberdade do povo luso.

 CAPITÃES DE ABRIL

Sábado, às 16h40, na RTP1

O retrato da Revolução que mudou a nossa História numa impressionante produção do cinema português com realização de Maria de Medeiros. Partindo das memórias do capitão Salgueiro Maia, o filme recria de forma emotiva o dia que mudou o nosso país. Entre a apoteose popular nas ruas de Lisboa, com os seus saborosos episódios de circunstância, e os momentos históricos mais marcantes do 25 de Abril, o filme presta igualmente homenagem à memória de Salgueiro Maia.

ESTREIA: AS ARMAS E O POVO

Sábado, às 22h00, na RTP1

Estreia em televisão de um dos mais célebres filmes da Revolução portuguesa. Rodado durante a semana entre o 25 de Abril e o 1º de Maio de 1974, junta as grandes movimentações de massas aos discursos de Mário Soares e Álvaro Cunhal e a libertação dos presos políticos às entrevistas de rua conduzidas pelo cineasta brasileiro Glauber Rocha. Assinado pelo Colectivo de Trabalhadores da Actividade Cinematográfica, é um documento histórico inestimável feito em cima do acontecimento por vários técnicos e realizadores portugueses, com imagens inéditas. Uma obra incontornável do cinema militante europeu, As Armas e o Povo é também um manifesto sobre a relação entre cinema e política, não apenas como mero difusor dos acontecimentos, mas sobretudo como participante ativo do ato revolucionário.

RETRATOS DE ABRIL

Sábado, às 23h30, na RTP1

Uma homenagem aos fotógrafos que viveram a Revolução nas ruas e registaram imagens do dia que mudou Portugal. Pelo palco do Coliseu dos Recreios, entre músicas e poesia, passam imagens, vídeos e fotos, que retratam a história do nosso país. Com apresentação de Sílvia Alberto e Júlio Isidro, uma produção RTP em parceria com a Associação 25 de Abril.

BRANDOS COSTUMES

Sábado, às 24h15, na RTP2

Célebre filme do pós 25 de Abril que revelou o cineasta português Alberto Seixas Santos e impôs um estilo muito particular de olhar o Cinema e a História. Cenas da vida doméstica de uma família portuguesa da média burguesia, alternadas com atualidades sobre a ascensão, glória e queda do salazarismo, onde se constrói um paralelismo entre a figura do chefe de família tradicional e o ditador. Os conflitos e as frustrações das filhas, que representam duas gerações, são apresentados de forma didática nas suas relações com os pais, a avó e a criada. Tudo isto é articulado com quadros musicais onde, no limite, a história de uma família e a História de um país se confrontam, complementam e se confundem.

Fonte: RTP

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade