Vice-PM: Cerca de 3.000 projetos da Igreja concluídos desde 2010

por LMn

Desde 2010, cerca de 3.000 igrejas foram reconstruídas e renovadas na Bacia dos Cárpatos com o apoio do governo da Hungria, disse o vice-primeiro-ministro Zsolt Semjén na cerimónia da abertura do ano escolar em Mosonmagyaróvár, na passada segunda-feira.

Zs. Semjén disse que a Hungria não viu tanta construção ou renovação de igrejas “desde a época de Santo Estêvão” e prometeu que “nenhuma dessas igrejas será transformada em mesquitas ou centros comerciais”.

O Vice-Primeiro-Ministro encarregado das comunidades húngaras no exterior, da política da igreja e das minorias étnicas e nacionais, disse que as escolas administradas pela igreja foram fundamentais para preservar a identidade cristã, criando “profissionais cujas capacidades estão em harmonia com a fé”.

De acordo com dados do Eurostat, na Hungria, a percentagem no PIB de apoio a igrejas é a mais alta da União Europeia, disse Semjén, acrescentando que o número de escolas administradas por igrejas no país duplicou desde 2010.

Crédito da foto: Csaba Krizsán / MTI

Ver noticia no Hungary Today

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade