Portugal: Há mais 2 restaurantes estrelas Michelin. Total passam a ser 28

por LMn

A Michelin revelou esta segunda-feira as estrelas do ano para os que considera os melhores restaurantes de Portugal. O grande destaque vai para Ljubomir Stanisic, que conquista a sua primeira estrela Michelin para o 100 Maneiras de Lisboa, tal como para o basco Eneko Atxa, com distinção igual para o seu restaurante lisboeta.

“É uma conquista depois de um ano especialmente difícil, de carência, de luta, de fome. É um prémio que sabe a champanhe e caviar num ano de pão e água”, afirmou à Lusa Mónica Franco, mulher e assessora de Ljubomir Stanisic.

Os lisboetas ‘100 Maneiras’ e o ‘Eneko Lisboa’, ambos com uma estrela (‘cozinha de grande nível, compensa parar’), são as duas novidades portuguesas no Guia Michelin Espanha e Portugal 2021, anunciado esta noite numa cerimónia virtual a partir de Madrid.

Mónica Franco declarou que a distinção é “a realização de um sonho” e que a equipa está “muito emocionada”.

O galardão, afirmou, não é “uma aquisição apenas” do chef, mas de uma equipa: “Nenhum homem é uma ilha. Só juntos se fazem as coisas”.

No início deste mês, Ljubomir Stanisic fez uma greve de fome de quase uma semana, em frente ao parlamento, no âmbito do Movimento “Sobreviver a Pão e Água”, que pretendia ser recebido pelo Governo para debater soluções para o setor da restauração e similares, face ao impacto causado pela pandemia de covid-19.

Na edição de 2021, Portugal ganha duas novas primeiras estrelas e perde a estrela do restaurante ‘São Gabriel’ (Almancil), que anunciou o seu encerramento no final de 2019.

No total, Portugal conta, no guia ibérico de 2021, com sete restaurantes com duas estrelas (‘cozinha excecional, merece o desvio’) e 21 com uma estrela (‘cozinha de grande nível, compensa parar’), mais um do que na edição de 2020.

LUSA

 

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade