Porto: Hungria presente na 4ª edição do Festival de Cinema Beast

por LMn

O Festival de cinema Beast – 24 e 28 de março – que devido à pandemia, este ano se realiza em formato online, tem mais uma vez a participação do filme húngaro.

O Festival encerra este domingo e no programa conta com vários filmes húngaros: as curtas de Tamás Rebák (Escape velocity) e de Gábor Ulrich (Dune) nas Secções de Competição e as longas metragens de Nándor Lőrincz /Bálint Nagy (As far as I know) e Cecília Felméri (Spiral).

Website:

https://beastfilm.pt/

Facebook:

https://www.facebook.com/beastiff

Evento no Facebook:

https://www.facebook.com/events/232099775290525

Instagram:

https://www.instagram.com/beast_film_festival

Press Release:

O BEAST International Film Festival está de volta com a sua 4ª edição e uma rica participação húngara.

O festival estabelece-se como um canal complexo de cultura contemporânea da Europa Central e Oriental para Portugal, pondo em destaque as novas tendências cinematográficas de países como a Hungria, em parceria com a Embaixada da Hungria em Lisboa.

Desde 2017, o Festival Internacional de Cinema BEAST tem vindo a provar a si próprio e ao público, como um evento que ilumina de forma importante o panorama cinematográfico da Europa de Leste.

Ao explorar os Balcãs, Bálticos, ou Pós-Comunismo, BEAST IFF abriu um guarda-chuva cultural que abrange 21 países, com um enfoque único na diversidade trazendo novas obras e talentos que representam as últimas faces do Novo Oriente no cinema.

Com os desafios gerados pela pandemia e a exequibilidade de uma experiência on-line enriquecedora, o Festival Internacional de Cinema BEAST decorre de 24 a 28 de março, em parceria com a plataforma portuguesa Filmin.

Nascido de uma iniciativa de colaboração e diálogo entre operadores cinematográficos portugueses, críticos, festivais e instituições culturais nacionais e internacionais, Filmin é a principal plataforma de streaming de cinema independente em Portugal.

Este ano, a Roménia é o foco do festival através da secção Focus Country, mas outras nações da Europa Central e Oriental também serão destacadas pelo programa. A Competição Oficial, que tem funcionado como o núcleo do BEAST International Film Festival, desde a sua primeira edição, dará uma plataforma a duas curtas-metragens da Hungria, enquanto a secção V4 Screen, fornecida pelo projeto Visegrád Film Hub, dará destaque a duas outras longas-metragens do país.

No programa EastWave, destinado a apoiar filmes de ficção de curta e média-metragem através de jovens talentos promissores, o realizador húngaro Tamás Rebák apresenta a animação “Escape Velocity”, onde um vagabundo interestelar luta para sair de um planeta hostil e curioso para regressar à sua nave espacial.

Além disso, “Dune”, um pequeno filme do artista e cineasta Gabor Ulrich, membro da Associação de Artistas Cinematográficos Húngaros, traz um grau de narrativa, experimentação conceptual e técnica representativa da secção experimentalEAST da qual faz parte. O programa V4 Screen também chamará a atenção para três longas-metragens da Hungria, como parte de um projeto co-financiado pelos governos da República Checa, Hungria, Polónia, e Eslováquia, através do Fundo Internacional de Visegrád, em colaboração com várias instituições dos países V4.

“As Far As I Know” é dirigido pela dupla Nándor Lörincz e Bálint Nagy e baseia-se numa história da vida real sobre o complicado processo penal que se segue a um caso de violação na perspetiva de Dénes, o cônjuge da vítima.

Além disso, “Spiral” é uma co-produção húngara e romena da diretora Cecília Felméri, e conta a história de um estranho triângulo amoroso entre um homem e duas mulheres. Além disso, está também em curso um workshop em parceria com o Festival de Cinema Anilogue na Hungria. A longa-metragem “Eden” (2020), da realizadora húngara Ágnes Kocsis, terá também uma exibição limitada no local, respeitando as orientações sanitárias de Portugal, algures entre abril e junho. Os programas da BEAST IFF, tais como Focus Country, V4 Screen, EastWave, experimentalEAST, e EastDoc estarão disponíveis até ao dia 4 de abril para os subscritores da Filmin, ou através de um formato pay-per-view no seu website.

Juntamente com o sítio web de streaming português, plataformas como Vimeo, YouTube, Twitch, Facebook, e Instagram acolherão também as exibições, eventos, transmissões ao vivo, e Q&As da BEAST IFF. Após o final da edição em março, BEAST IFF continuará até 1 de junho, através de exibições mensais especiais, eventos, e o Visegrad Film Hub – um evento industrial dedicado aos países de Visegrád – incluindo ainda mais exibições, masterclasses, e workshops, com uma oferta online e possivelmente no local.

Caso seja seguro para os espetadores do festival num futuro próximo, serão realizadas exibições e atividades limitadas em locais como o Cinema da Trindade, Cinema Passos Manuel, Casa das Artes, e Biblioteca Municipal Almeida Garrett.

A estrutura do festival foi concebida de modo a proporcionar uma coleção diversificada de filmes como parte da competição oficial e como parte dos programas especiais. Desde a sua existência, o BEAST International Film Festival já apresentou mais de 300 curtas, médias e longas metragens, várias estreias mundiais, europeias e portuguesas, e mais de 150 sessões de exibição, incluindo filmagens especiais de convidados nacionais e internacionais.

Algumas das nossas atividades, tais como as projeções, as perguntas e respostas com cineastas, BEAST Talks, e os programas Mirages of Freedom e School Visit estarão disponíveis para audiências mundiais, gratuitamente, através dos nossos canais online.

Download Press Release En

Base:

Pg FB Embaixada da Hungria em Lisboa

https://www.facebook.com/HunEmbassy.lisbon

 

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade