O governo húngaro apoia a luta dos Sículos (Szeklers) pela autonomia na Roménia!

por LMn

Se o povo sículo (Szekler) e os seus líderes se comprometerem totalmente na luta pela autonomia, podem contar com o apoio do governo húngaro, disse o secretário de Estado para os húngaros na fronteira em Siculeni (Mádéfalva), no centro da Roménia.

Falando no final da missa que marcou o Dia da Autonomia de Szekler, celebrado no último domingo de outubro, Árpád János Potápi disse que, ao contrário de 1956, a luta pela liberdade hoje deve ser travada com petições, e não com armas.

O secretário de Estado exortou os presentes a reunir o máximo de pessoas possível para assinar a iniciativa de cidadania europeia sobre a proteção das regiões nacionais lançada pelo Conselho Nacional de Szekler.

A Iniciativa de Cidadania Europeia para a Igualdade das Regiões e Sustentabilidade das Culturas Regionais, observou ele, atraiu mais de um milhão de assinaturas antes do prazo original de 7 de maio, mas a campanha não conseguiu recolher o número mínimo exigido de assinaturas de sete estados membros da União Europeia.

Com o prazo de coleta de assinaturas estendido até 7 de novembro, a meta é reunir o nível de apoio necessário em países além da Hungria, Roménia e Eslováquia, disse.

 

Fonte: MTI

 

Nota da Redação (fonte: Wikipédia):

Os sículos (em latim: Siculi; em húngaro: székelyek; em romeno: Secui; em alemão: Szekler) são uma etnia de origem húngara que desde o século VIII ocupou as terras do sudeste da Hungria. A maior parte deles vive na Transilvânia, no chamado País Sículo (em húngaro: Székelyföld; em romeno: Ţinutul Secuiesc).

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade