Já se ouve o canto do Kékbegy (pisco de peito azul) no Kis-Balaton (c/audio)

por LMn

O nome científico do pisco de peito azul é Luscinia svecica e pertence à família Muscicapidae.  É bastante comum na Europa, algumas das populações migram no inverno para o sul do continente, outras passam a vida no mesmo território.

O pássaro atinge aproximadamente 14 cm e vive 2 anos.

Na Hungria, encontra-se um pouco por todo o país, podendo observar-se com mais frequência nos sapais do lago Pequeno-Balaton.

Kis-Balaton – Hungria

É fácil de reconhecer graças à mancha azulada que cobre a parte da barriga e da cabeça. A sua dieta é composta de insetos e larvas, aranhas, minhocas e caracóis. Passa muito tempo no solo à procura da comida e é muito bem-vindo nos jardins e nas hortas! Nas épocas mais frias come também pequenos frutos, bagas e sementes.

Esta pequena ave é um pouco “tímida”. As fêmeas costumam caminhar pelo chão e, quando sentem que há algum perigo ou som estranho, procuram esconderijos.

Em Portugal, esta espécie encontra-se de norte a sul do país, durante as passagens migratórias e no Inverno, ainda que seja rara no interior e tenha uma distribuição localizada mesmo no litoral. No Algarve pode observar-se na reserva de Castro Marim, na Ria Formosa, Lagoa dos Salgados, estuários do Arade e ria de Alvor.

Ria Formosa – Portugal

O canto do pisco-de-peito-azul é agudo, longo e melodioso, e às vezes consegue imitar o canto de outros pássaros, principalmente das cotovias. Costuma cantar pela manhã e quando escurece; os machos cantam pousados nos arbustos.

Canta o ano todo, aqui podem ouvir o canto do pisco de peito azul

 

 

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade