Hungria: Um milhão de beneficiários do Serviço de Proteção à Família do Governo

por LMn

O plano de ação governamental de proteção das famílias apoiou 220.000 famílias, contemplando cerca de um milhão de pessoas desde o seu lançamento há 18 meses, disse Katalin Novák, ministra sem pasta responsável pelas famílias, numa entrevista publicada pelo diário pró-governamental Magyar Hírlap na quinta-feira.

Novák congratulou-se que na Hungria “o compromisso com as famílias, de ter filhos tem vindo a aumentar nos últimos anos” e sugeriu que esta política continue a ser apoiada pelas medidas governamentais. Acrescentou que garantir uma isenção vitalícia do imposto sobre o rendimento singular (IRS) às mães com quatro ou mais filhos é “uma opção não vista em nenhum outro país”.

Referindo-se aos pais solteiros, Novák disse que merecem todo o apreço e ajuda porque têm de trabalhar para duas pessoas”.

Novák disse que os compradores de casas pela primeira vez irão receber mais assistência a partir de janeiro, acrescentando que o objetivo não é apenas encorajar os casais a terem filhos, mas também melhorar as condições para as famílias à medida que as crianças crescem.

Novák mencionou ainda que os reformados irão beneficiar de uma semana extra de pensão a partir de janeiro, como a primeira prestação da pensão do 13º mês, a ser instituída gradualmente até 2024.

Relativamente ao seu partido Fidesz, Novák referiu-se ao partido no poder como “uma comunidade verdadeiramente conservadora, cristã e democrática, empenhada em promover a verdade em vez de lutar pelo poder em si”.

MTI

Foto de István Biró/MTI

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade