Hungria: PIB e Dívida Pública em 2020

por LMn | MTI

Devido à pandemia, em 2020 a economia húngara diminuiu 5,1%, anunciou esta terça-feira o KSH- Instituto de Estatísticas da Hungria com base numa primeira estimativa.

O PIB cresceu 1,1% no quarto trimestre do ano passado em comparação com o trimestre anterior e caiu 3,7% em comparação com o mesmo período do ano anterior.  Segundo o KSH, a indústria e os sectores das TIC – Tecnologias de Informação e da Comunicação foram os que mais contribuíram para o crescimento.

O Ministro das Finanças Mihály Varga disse num vídeo no Facebook que o governo estava a ponderar novos desenvolvimentos na ordem dos “vários milhares de milhões de forints”, acrescentando que o seu ministério esperava que a economia voltasse a uma trajectória de crescimento no segundo trimestre deste ano e “produzisse um crescimento de dois dígitos” nesse período. Varga destacou a resiliência da economia e as medidas de protecção económica do governo, acrescentando que a recessão húngara de 5,1% em 2020 tinha sido menor do que o esperado, e abaixo da média da União Europeia, 6,4% e dos 6,8% dda zona euro.

Por outro lado, a dívida pública da Hungria aumentou para 81% do PIB no final do quarto trimestre, de acordo com uma primeira leitura dos dados que o MNB- Banco Nacional da Hungria (NBH) divulgou nesta quarta-feira.

A dívida pública expressa no PIB já tinha subido de  65,5% no final de 2019, para 74,2% no final do terceiro trimestre de 2020. Em termos absolutos, era de 38,368 mil milhões de forints no final de 2020.

A constituição da Hungria estipula que o rácio dívida/PIB no final do ano deverá diminuir para 50%, mas as despesas do governo em medidas contra a pandemia e estímulo económico têm feito aumentar a dívida.

Fonte: MTI

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade