Hungria obtém Isenções Sancionatórias para o Petróleo e Energia Nuclear

por LMn | MTI
image_pdfimage_print

A Hungria negociou com sucesso isenções de sanções da União Europeia para entregas de crude russo por oleoduto e para entregas marítimas de substituição de emergência, bem como para a energia nuclear, disse o Ministro dos Negócios Estrangeiros e do Comércio Péter Szijjártó numa mensagem de vídeo publicada no Facebook na quarta-feira.

Szijjártó disse que numa reunião dos chefes de missão dos estados membros da União Europeia tinha sido discutido o oitavo pacote de sanções da União Europeia contra a Rússia, em Bruxelas.

“Conseguimos obter com sucesso uma isenção para as entregas de petróleo por oleoduto do mecanismo de preço máximo e para as entregas de emergência por via marítima… se as entregas por oleoduto não forem possíveis por razões extraordinárias”, disse Szijjártó.

Acrescentou que os serviços e produtos necessários para o funcionamento das centrais nucleares existentes, bem como para as novas centrais, também estariam isentos de sanções.

Chamou à construção de mais dois blocos na central nuclear húngara de Paks uma “pedra angular” do fornecimento seguro de energia da Hungria e observou que os quatro blocos existentes da central representam metade da produção de eletricidade do país.

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade