Hungria: Governo apresenta orçamento expansivo para 2022

por LMn | MTI

O governo prevê um crescimento económico de 5,2%, com um objectivo de défice de 5,9% do PIB e uma dívida pública de 79,3%, disse o Ministro das Finanças Mihály Varga, quando na terça-feira apresentou ao Parlamento, o projecto de lei orçamental de 2022.

M. Varga disse que o orçamento visava relançar a economia, apoiar as famílias, reintroduzir a pensão para os reformados de 13 meses, proporcionar isenções fiscais aos trabalhadores jovens com menos de 25 anos, ao mesmo tempo que reduz ainda mais a carga fiscal sobre as empresas e apoia os investimentos que criam empregos.

A totalidade dos 7,308 mil milhões de forints (20,3 mil milhões de euros) é canalizada para o relançamento da economia, o que representa o maior programa económico da história húngara moderna, afirmou.

O projecto de orçamento para 2022 é 483 mil milhões de forints maior do que o deste ano, disse, observando que 2,778 mil milhões de forints estão a ser disponibilizados para medidas de apoio às famílias, tais como isenções de impostos sobre o rendimento pessoal e subsídios à habitação.

O governo irá também gastar 2,884 mil milhões de forints em cuidados de saúde, mais 769 mil milhões do que este ano, disse o ministro Varga. A fim de gerir os riscos, foi reservado um fundo de reserva de 233 mil milhões de forints no orçamento.

Varga afirmou que os salários médios deverão crescer 8% no próximo ano. Relativamente ao salário mínimo básico e ao salário mínimo dos trabalhadores qualificados, Varga observou que um acordo entre empregadores e trabalhadores constituiria a base para o seu cálculo.

Fonte: MTI

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade