Hungria entre os países europeus mais seguros para pagamento online por cartão bancário

por LMn

Apesar das 70.000 transações fraudulentas com cartões bancários no ano passado, que custaram 1,3 mil milhões de forints (3,6 milhões de euros), a Hungria está entre os países mais seguros da Europa para pagamentos com cartões bancários em linha, tanto em termos de volume como de valor das transacções, segundo o Secretário de Estado das Finanças András Tállai.

“Suspeitou-se de fraude em 73 casos de um milhão de transações de pagamento com cartão bancário no ano passado”, disse Tállai em comunicado, tendo ainda afirmado que o número de pagamentos em linha ligados à fraude explodiu em todo o mundo nos últimos anos, com o principal objectivo de obter dados financeiros pessoais.

O método normalmente utilizado envolve chamadas telefónicas ou mensagens de correio electrónico de fraudadores que se fazem passar por funcionários bancários. Tállai observou que o phishing de dados pessoais sob o pretexto de intervenções fiscais e alfandegárias NAV foi generalizado em 2019. Mais recentemente, porém, o método preferido é o envio de mensagens SMS fraudulentas relacionadas com pacotes postais contendo ligações maliciosas.

A Associação Bancária Húngara criou um grupo de trabalho com peritos do instituto nacional do cibercrime, da polícia e do gabinete nacional de investigações, bem como do sector bancário, que desempenhou um papel significativo na exposição dos casos de fraude, disse Tállai.

Fonte: Ministério das Finanças

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade