Hungria: Dois queijos Pomaz ganham medalhas de ouro no concurso de queijos mais prestigiado do mundo

por LMn
image_pdfimage_print

Dois queijos da Breier Farm em Pomaz foram premiados com ouro no maior concurso de queijo do mundo. A edição deste ano do World Cheese Awards teve lugar em Trondheim, na Noruega.

Foi recebido um número recorde de inscrições para o World Cheese Awards deste ano, considerado o evento de queijo mais importante do mundo. Os Campeonatos Mundiais de Queijo, não oficiais, realizam-se desde 1988 e o local escolhido foi o Pavilhão Desportivo de Trondheim, na Noruega, no final de outubro, onde 4502 queijos de 43 países dos cinco continentes foram transportados por barco, avião, comboio e estrada. Entre eles estavam queijos de sete produtores húngaros, com dois produtos da Breier Farm em Pomaz a ganhar medalhas de ouro.

Um pouco menos de metade do número total de inscrições – 2 131 queijos – foi galardoada com bronze, prata, ouro ou super ouro. Um júri de especialistas internacionais em queijo elegeu 344 queijos como ouro. A Europa Central no seu conjunto ganhou um total de seis medalhas de ouro, duas das quais, o queijo Pilisi envelhecido durante nove meses e o queijo Tanya envelhecido durante três meses, foram ambos produzidos em Pomaz.

Na Breier Farm, apenas o feno fresco, sem aditivos e pasteurizado das vacas criadas na quinta é utilizado para o fabrico do queijo. Por outras palavras, leite de vacas que pastam erva fresca e ervas aromáticas no verão e feno de prado seco ao sol no inverno. Nos países alpinos, a qualidade irrepreensível do leite, denominado “leite de queijo”, torna os seus queijos muito mais delicados, frescos e naturais do que a média.

Créditos: turizmus.com

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade