Hungria: Amigo de Viktor Orbán comprou 49,57% de participação no maior distribuidor de gás

por LMn

A Opus Global da Hungria assinou um acordo com o Grupo MET com sede na Suíça para adquirir 49,57% da distribuidora de gás natural húngara Tigáz, disseram as duas empresas na passada sexta-feira.

A aquisição expande a carteira de negócios da holding Opus Global, que é liderada por Lőrinc Mészáros, amigo próximo do Primeiro Ministro Viktor Orbán, na qual detém diretamente uma participação de 24,63%. Na bolsa de Budapeste, as ações da Opus Global subiram de imediato 5,2%.

A Opus tem uma carteira de negócios em rápido crescimento, abrangendo hotéis, agricultura, indústria, meios de comunicação e energia.

A empresa teve receitas totais de 162 mil milhões de forints (529 milhões de dólares) nos três primeiros trimestres do ano passado, contra 214 mil milhões no mesmo período de 2019.

O MET Group, uma empresa de energia que opera nos mercados do gás e da energia, disse num comunicado que decidiu vender a participação no Tigáz, uma vez que quer investir em centrais de energia solar e eólica.

As empresas não revelaram o preço da participação. “A empresa de energia dedica-se a construir uma carteira significativa de mais de 500 MW de energias renováveis até 2023, consistindo em projetos solares e eólicos na região da CEE”, escreveu a MET.

Anunciou também que tinha comprado uma unidade de energia solar à Opus Global na cidade de Buzsák, na Hungria. “Este é um projeto de central solar de campo verde que deverá produzir 83,7 GWh de eletricidade anualmente”, acrescentou a MET.

Fonte: Reuters

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade