Coronavirus na Hungria: Igreja Reformada suspensa, católicos continuam serviços religiosos

por LMn

A Igreja Reformada Húngara pediu às suas comunidades que não realizem cultos ou outros eventos a partir de quarta-feira. Na segunda-feira, o presidium da igreja disse em comunicado que as comunidades reformadas deveriam voltar aos serviços online como fizeram durante a primeira onda da epidemia de coronavírus na primavera.

O conselho comunitário e outras reuniões também devem ser realizadas online, disse o comunicado. Os casamentos e funerais devem ser realizados de acordo com as novas medidas restritivas do governo, refere o comunicado.

A Igreja Católica adiantou no início do dia que as missas poderiam ser realizadas de acordo com as novas restrições. A Conferência dos Bispos Católicos (MKPK) disse que “as igrejas, como lugares de renovação espiritual e de oração, são especialmente importantes e continuarão a estar abertas”.

O MKPK disse que aqueles que não podem assistir à missa pessoalmente podem participar de cultos online ou na televisão “para obter confirmação, conforto e incentivo”. A conferência também aconselhou os membros idosos a manterem-se afastados dos locais de culto, isentando-os da obrigação religiosa de assistir à missa.

MTI

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade