Centro Regional de Contra-terrorismo da ONU será inaugurado em Budapeste em fevereiro

por LMn

Budapeste será a sede do primeiro centro regional de combate ao terrorismo das Nações Unidas, disse o ministro das Relações Exteriores, Péter Szijjártó, na terça-feira.

Szijjártó fez o anúncio depois de realizar uma videoconferência com Vladimir Ivanovich Voronkov, primeiro sub-secretário do Escritório de Luta contra o Terrorismo da ONU.

Szijjártó disse que reafirmou a dedicação de Voronkov Hungria em contribuir para o sucesso dos esforços internacionais de combate ao terrorismo.

“A Hungria está a participar dos esforços de contraterrorismo da ONU não apenas em palavras, mas também em ações”, acrescentou.

Os preparativos já começaram para a criação do primeiro centro regional de contraterrorismo da ONU e o escritório de Budapeste será aberto em meados de fevereiro do próximo ano, com 12 funcionários húngaros e internacionais, referiu o ministro.

A Hungria apela para que o apoio aos esforços de luta contra o terrorismo da ONU seja incluído no orçamento normal da organização, disse ele.

Szijjártó acrescentou que há poucos temas mais importantes, além da coordenação das atividades de saúde e combate à pandemia.

A ameaça do terrorismo é cada vez mais severa na Europa e está intimamente ligada à migração ilegal, disse ele.

“Quanto mais as ondas de migração ficarem fora de controle, maior será a ameaça do terrorismo”, acrescentou.

MTI

Ilustração fotográfica apresentada por Tibor Rosta / MTI

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade