Carta de Viktor Orbán ao Presidente da Assembleia Nacional sobre pacote financeiro da UE

por admin

São 40,7 mil milhões de euros, os recursos não reembolsáveis mobilizados pelo pacote financeiro da União Europeia para a Hungria. Tendo em conta as obrigações financeiras e pagamentos por parte da Hungria que se situam na faixa dos 11 mil milhões de euros, a Hungria terá assim acesso a 30 mil milhões de euros de montante líquido durante um período de 7 anos. Para além disso estará também disponível a favor da Hungria, um pacote de 10 mil milhões euros de acesso a crédito, para fazer face à recuperação da economia derivada da situação pandémica.

Em correspondência enviada ao Presidente da Assembleia Nacional, László Kövér, o Primeiro-Ministro Viktor Orbán, informou sobre o cumprimento dos cinco pontos do mandato parlamentar relativo à reunião Conselho Europeu de julho último e informa ainda já ter cumprido os dois primeiros objetivos. Na carta enviada refere ainda que foram tomadas medidas importantes para afastar a condicionalidade dos recursos financeiros. O primeiro-ministro propõe que, durante a ratificação do acordo da UE, o Parlamento discuta se os resultados alcançados são suficientes para que o legislador húngaro avalizar o acordo.

 

Fonte: vg.hu

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade