Campeonato Mundial de Desportos Aquáticos em Budapeste: FINA exclui Rússia e Bielorrússia

por LMn

A Federação Internacional de Natação (FINA) decidiu quarta-feira, após muita hesitação, que os atletas russos e bielorrussos serão banidos de todos os eventos da FINA – incluindo os campeonatos mundiais em Budapeste, em junho. A FINA era anteriormente uma das organizações desportivas mais “permissivas”, permitindo que atletas da Rússia e da Bielorússia competissem em cores neutras. A Alemanha e a Suíça anunciaram anteriormente que não participariam nos Campeonatos Mundiais de Natação se os atletas russos e bielorussos fossem autorizados a competir.

A federação tomou a decisão em resposta à invasão russa da Ucrânia. Até agora, os atletas das duas nações podiam competir sob bandeiras neutras, um movimento criticado por muitas nações.

Segundo a declaração da FINA publicada na quarta-feira, a federação russa declarou imediatamente que nenhum dos seus atletas irá participar em eventos da FINA este ano. Foi também decidido que se deveria encontrar um novo local para os campeonatos mundiais de natação de curta duração deste ano, que estavam originalmente programados para se realizarem em Kazan, na Rússia. Estão em curso conversações com potenciais novos anfitriões, anunciou a FINA.

Fontes: 24.hu, RP Online via HungaryToday

Imagem em destaque através da Yuliya Yefimova da Rússia a 12 de maio de 2019. Foto de Tibor Illyés/MTI

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade