Budapeste. Seleção Húngara de Futebol: Selecionador Marco Rossi coronavírus positivo

por LMn

A Federação Húngara de Futebol (MLSZ) anunciou esta quarta-feira na sua página oficial no Twitter que foi positivo o último teste de coronavírus de Marco Rossi, selecionador da equipa nacional de futebol.

De acordo com o comunicado da MLSZ, após vários resultados anteriores negativos, o teste de ontem de Marco Rossi, antes do jogo decisivo de hoje contra a Islândia, deu resultado positivo. O isolamento e separação do selecionador italiano da equipa da Hungria, dos jogadores e restante membros do staff foi imediata.

A MLSZ acrescentou numa segunda publicação, na rede social Facebook que os testes dos jogadores e outros membros da equipa deram resultado negativo.

O técnico italiano não poderá estar no banco no jogo de hoje contra a Islândia, no jogo playoff do Campeonato da Europa contra a Islândia.

Já na semana passada, Giovanni Constantino, técnico adjunto Rossi, também tinha testado positivo de coronavírus. Nesta situação, esta noite, contra os islandeses, Rossi deve ser substituído pelo seu outro adjunto, Cosimo Inguscio.

Inguscio de 57 anos já antes, por duas vezes teve que substituir Marco Rossi: em novembro de 2018 com o triunfo sobre a Estónia por 2-0 (qualificação Liga das Nações) e em junho de 2019 vitória contra o País de Gales por 1-0 (qualificação Campeonato da Europa) ou seja, Inguscio como seleccionador  interino, ganhou as duas partidas. É bom sinal.

Recorde-se que o vencedor desta noite será o primeiro adversário de Portugal em junho do próximo ano no jogo que se disputa em Budapeste

 

Fonte: Nemzeti Sport

Print Friendly, PDF & Email

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade