A Hungria fechou! E a Supertaça Europeia?

por LMn

O Governo da Hungria decidiu ontem fechar as fronteiras do país a partir da próxima terça-feira, 1 de setembro, com objetivo de travar a propagação do Covid-19.

A entrada de estrangeiros foi na prática suspensa, interdita. Como a imprensa local desde o anúncio tem vindo a destacar, a decisão ontem anunciada, coloca em risco a Supertaça Europeia, que irá decorrer em Budapeste no dia 24 de setembro e que será disputada entre o Bayern Munique e o Sevilha.

Sabe-se que ao tomar conhecimento das medidas fortemente restritivas, a UEFA pretende reunir-se com o governo húngaro nos próximos dias para decidir os moldes em que o evento se irá realizar face a estas novas contingências.

O jogo seria aberto ao público, pelo que a lotação do Puskás Arena seria reduzida a 30%, da lotação máxima de 65 mil espectadores, um pouco mais de 20 mil pessoas.

De ontem para hoje, a situação, as questões e dúvidas acumulam-se. A decisão está nas mãos do governo húngaro, que volta a reunir-se novamente este sábado de manhã com objetivo de detalhar e concretizar as decisões ontem anunciadas

Também poderá gostar de

O nosso website utiliza cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Aceitar Ler Mais

Privacidade